Após o recebimento da denúncia, os policiais militares deslocaram ao endereço em Palmeirópolis e prenderam o suspeito.

Um homem de 27 anos foi preso em flagrante na tarde de sexta-feira, 31, por policiais militares da cidade de Palmeirópolis, região sul do Estado.

Ele é suspeito de fazer parte de uma quadrilha que pratica crime conhecido como “golpe do whatsapp”.

A PM chegou ao suspeito por intermédio da Polícia Civil do Estado do Paraná, que na tarde desta sexta-feira fez contato com 3º Pelotão da Polícia Militar, área do 4º BPM e informou que havia um suspeito de fazer parte de uma quadrilha que aplica golpes através do aplicativo do Whatsapp,  domiciliado em Palmeirópolis.

Segundo investigações, o indivíduo teria recebido em sua conta bancário nesta data R$ 4,9 mil reais, proveniente de dois depósito bancário.

Ainda conforme as investigações, os criminosos clonam o aparelho celular da vítima e de posse de informações privilegiadas ligam se passando por um membro da família e solicita dinheiro.

Após o recebimento da denúncia, os policiais militares deslocaram ao endereço em Palmeirópolis informado pela Polícia Civil  do Paraná, em mãos o comprovante de deposito e também cópia da investigação.

No local, o autor foi identificado e recebeu voz de prisão. Ele foi conduzido para a Central de Flagrantes de Alvorada, onde confessou a participação nos crimes e o recebimento do depósito, para tanto, foram realizadas as medidas cabíveis.

Ascom/4º BPM/Revisão: Lara Tavares

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here