“Esses pontos foram escolhidos de forma prioritária após estudos e consultas públicas”

O Governo do Tocantins, por meio da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto), publicou no Diário Oficial, o aviso de licitação para contratação de empresas, considerando a realização de obras de correção de pontos críticos em rodovias estaduais não pavimentadas.

De acordo com o superintendente de Construção e Fiscalização de Obras Rodoviárias da Ageto, Adelmo Vendramini Campos, a licitação contempla 20 pontos críticos que foram divididos em sete lotes. 

As obras são financiadas pelo Banco Mundial, por meio do Projeto de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS). O projeto irá beneficiar rodovias estaduais espalhadas de norte a sul do Tocantins. Ao todo, serão construídas oito pontes de concreto armado e 12 bueiros celulares.

Uma das obras contempladas pela licitação é a de construção da ponte Apinajé sobre o Rio Manoel Alves, na Rodovia TO-482, divisa de Santa Rosa do Tocantins e São Valério da Natividade. Essa é uma antiga reivindicação do agronegócio da região, que busca melhorias para o escoamento da produção de grãos. Nos dias atuais, a travessia deste ponto crítico é realizada via balsa. Ali, será projetada uma ponte de 150 metros de extensão.

Na mesma região, também será construída outra ponte, nas mesmas proporções, sobre o Rio Formiga, na TO-458, entre o entroncamento da BR-010 (em Santa Rosa) e o entroncamento com a TO-365 (em Ipueiras).

Segundo a secretária de Estado da Infraestrutura, Cidades e Habitação (Seinf) e presidente da Ageto, Juliana Passarin, as obras irão contribuir com o fortalecimento do sistema logístico do Tocantins. “Essas obras proporcionarão a melhoria na acessibilidade da população e dos produtores que necessitam escoar a sua produção. Além disso, iremos contribuir com a oferta de empregos e a geração de renda dos tocantinenses impactados”, afirma.

A região sudeste foi a contemplada com o maior número de obras. Lá, oito pontos críticos serão beneficiados com a construção de bueiros celulares. Dois deles na TO-296, entre o entroncamento da TO-050 (Arraias) e o entroncamento da TO-242 (Paranã), dois no trecho da To-387, entre Dianópolis e Taipas, e quatro no trecho da TO-387, entre Conceição e Paranã. “Essas correções vão garantir conforto e segurança da população”, ressalta Juliana Passarin.

A licitação, na modalidade concorrência, o edital e as cópias adicionais poderão ser adquiridas na Comissão de Licitação da Superintendência de Licitação de Obras e Serviços Públicos da Seinf.

Fonte: Secom TO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here